Dicas e Truques sobre o Excel 2013 (2010 e 2007 também)


 

By Marco Aurélio Candido

Atenção: Esse é um dos maiores POST’s que já fiz, então, para um melhor entendimento, leia, acompanhe e entenda todos os detalhes, desde o princípio para que sejam minimizadas as dúvidas!

LEIA COM CALMA E ATENÇÃO… Esse POST poderá revolucionar o que você pensa sobre planilhas e o modo de construção e apresentação das mesmas.

Esse POST poderá ser executado em qualquer versão do Excel porém será necessário realizar os ajustes necessário de comandos e ações.

 

Antes de iniciar gostaria de realizar um prólogo sobre o que virá a seguir: Fui Consultor da Mondial Tecnologia em Informática por 13 anos e passei por um longo processo de aprendizado com o MVP João Benito Savastano e acredito que nesse período tenho conseguido absorver 4% (daí pra menos) do que o Microsoft Excel pode fazer (logicamente com o apoio incondicional do Benito) e no ano passado mudei de emprego porém continuo realizando Palestras de Produtividade em diversas empresas.

 

Dias atrás estava eu ministrando uma Palestra em um grande empresa do ramo farmacêutico e fui questionado sobre como criar uma planilha “do zero”. Quais as principais dicas? O que usar? O que não usar? Existe certo e errado na criação de uma planilha?

Respondi a pergunta do participante com a criação de uma planilha passo a passo e acho importante compartilhar com vocês, todos os detalhes passados. Sendo assim, segue:

 

Em uma planilha evite 03
erros clássicos:

Erro 1 – Digitar e formatar
– Esse é um tipo de vício comum entre a maioria das pessoas. A formatação só vem no final ou seja, primeiro digite tudo o que deseja, realize fórmulas e só depois (no final) é que surge a formatação. Evite também, linhas/colunas em branco entre os dados pois isso prejudica muito quando necessitamos utilizar o recurso de AutoFiltro/Consolidar ou algo mais avançado como a Tabela Dinâmica.

 


Figura 1 – Exemplo de planilha sem formatação

 

Observe que na Figura 1 todas as informações foram inseridas sem a preocupação da formatação e acredite que tudo o que você vai ver daqui para a frente, se tornará um padrão pessoal para os seus trabalhos. Pelo menos é o que eu acho…

Erro 2 – Mescla de células – Existe um recurso muito antigo (presente inclusive no falecido Lotus 123) denominado Mesclar e Centralizar. Apesar do aspecto gentil que esse item traduz para a planilha, na maioria dos casos ele é improdutivo. Por exemplo, se você tentar mover uma coluna onde exista uma linha mesclada, o Excel informará o seguinte:

 


Figura 2 – Exemplo de ação proibida com o recurso Mesclar e Centralizar

 

Por esse motivo, farei uso do recurso Centralizar seleção que é interpretado como o substituto do Mesclar e Centralizar (explicarei a seguir).

 

Erro 3 – Dividir um número por 1000
– Talvez esse seja um dos recursos mais aplicados no dia a dia para quem trabalha com números grandes. Ao dividir um número por 1000 para se obter um resultado um pouco mais atrativo, perdemos a precisão real do número e dependendo do tamanho do valor temos a perca da precisão das dezenas e talvez centenas. Por esse motivo, irei demonstrar como dividir um número por 1000 sem realizar a tal divisão literal.

 

Passados esses 03 erros comuns irei demonstrar em alguns passos como atingir um nível de planilha profissional nesse mesmo exemplo.

Então, mãos à obra:

Após a digitação da sua planilha vamos começar pela centralização do título:

Item 1 – Centralizar a seleção do texto sem uso do Mesclar e Centralizar

 

  1. Selecione o intervalo desejado. Nesse exemplo, irei selecionar toda a linha de Título (que é representado na Figura 3 pelo intervalo de A1: H1.

 


Figura 3 – Selecionando a linha de cabeçalho para Centralizar a seleção

 

  1. Após a seleção, irei passar 02 sugestões:
    1. Via atalho do teclado: Pressione a combinação de teclas CTRL+1 (teclado alfanumérico). Esse atalho abre a caixa de diálogo Formatar de Células.
    2. Via mouse: Sobre a seleção pressione o botão da direita do mouse e escolha a opção Formatar células.

 

  1. Será aberta a caixa de diálogo Formatar Células. Clique na guia Alinhamento e na seção Horizontal, clique na seta para baixo e escolha a opção Centralizar seleção. Logo após, clique no botão OK.

 


Figura 4 – Formatando o intervalo de células com o substituto do Mesclar e Centralizar

 

  1. Observe que a planilha ficou com o aspecto semelhante ao da mesclagem. Agora faça um teste: Clique em qualquer célula desse intervalo e perceba que as células são livres para você digitar o que quiser. Esse recurso não prejudica o Filtro e muito menos a classificação dos dados (ou qualquer outro recurso avançado). Portanto, a partir de agora, esqueça o recurso Mesclar e Centralizar em suas planilhas e sempre que necessário utilize o recurso Centralizar seleção. Apenas como fechamento do assunto, experimente inserir um texto na célula F1 (aproveitando o exemplo da Figura 5) e aplique bordas. O efeito é fantástico.

 


Figura 5 – Exemplo da aplicação do recurso Centralizar seleção

 

Item 2 – Dividir os números por 1000 sem realizar fórmula

 

  1. Pode ser que esse seja um dos exemplos mais interessantes que você vai ver (ou já viu). Selecione todos os números e pressione a combinação de teclas de atalho CTRL +1 (Formatar células). Será exibida a caixa de diálogo Formatar Células (conforme Figura 6).

 


Figura 6 – Formatando números e aplicando uma divisão por mil ao mesmo tempo

 

  1. Clique na guia Número e na sequência na Categoria Personalizado. O símbolo # (cerquilha) representa o formato de número dentro do Excel. Quando criamos a formatação personalizada #.##0,00 na caixa Tipo, isso representa que será exibido o número com o formato de milhar e com 02 casas decimais. Para exibir o formato dividido por 1000 acrescente um ponto final (.) ao término da formatação, conforme exibido na Figura 7:

 


Figura 7 – Formato que divide o número por 1000 (efeito ilusão de ótica)

 

Apenas como complemento dessa formatação, caso deseje formatar o número dividindo-o por 1.000.000 (um milhão), acrescente mais um ponto final ao término da formatação exibida na Figura 7.

 


Figura 8 – Exemplo de número “dividido” por 1000 na Formatação de Células

 

Pronto! Já fizemos 02 passos importantes na planilha que na maioria dos casos, leva-se mais tempo para se fazer de outro modo e que inclusive não é tão produtivo. O que será que está faltando? Onde está a soma da Linha 9 e da Coluna H? Vamos fazer juntos? Siga esses passos:

 

  1. Selecione todos os valores desejados e adicione nessa seleção uma linha e uma coluna para que o resultado seja imediato, sem a necessidade de arrastar a fórmula ou pressionar CTRL + C para se copiar a fórmula. Seguindo essa planilha de exemplo, farei o seguinte:
    1. Clique na primeira célula que contém um valor e pressione a combinação de teclas de atalho CTRL + SHIFT + Seta para baixo. O resultado se encontra na Figura 9:

 


Figura 9 – Pressionamento das teclas de atalho CTRL + SHIFT + seta para baixo

 

  1. Continuando a seleção, pressione a combinação de teclas de atalho CTRL + SHIFT + Seta para à direita. O resultado se encontra na Figura 10:

 


Figura 10 – Pressionamento das teclas de atalho CTRL + SHIFT + seta para à direita

 

  1. Agora necessitamos selecionar o espaço onde o Excel deverá inserir a fórmula de SOMA. Para isso, pressione a combinação de teclas de atalho SHIFT + Seta para à direita e SHIFT + Seta para baixo. O resultado se encontra na Figura 11:

 


Figura 11 – Uso da combinação de teclas de atalho SHIFT + Setas para baixo e para à direita

 

Experimente realizar essas seleções no modo slow motion conforme explicado acima e tente pressionar as duas setas de direção ao mesmo tempo. Isso lhe dará maior agilidade na hora da seleção. Ex.: CTRL + SHIFT + Setas para baixo e para à direita ao mesmo tempo.

 

  1. Agora que temos todos os intervalos desejados selecionados pressione a combinação de teclas de atalho ALT + = (mantenha pressionado a tecla ALT e dê um leve toque na tecla com o símbolo de igual). Essa combinação é responsável pela execução do AutoSoma dentro dos intervalos selecionados, conforme Figura 12:

Perceba que tudo o que sendo mostrado aqui, poderá ser realizado por você em uma escala muito maior e conseguir assim a execução mais rápida de tarefas frequentes e o uso de teclas de atalho no seu dia a dia em detrimento do mouse.


Figura 12 – Uso da combinação de teclas de atalho ALT + = para se realizar a AutoSoma

 

Bom, como um detalhe apenas, está faltando o título Total na célula H2 e na célula A9. Para algumas pessoas, bastaria clicar isoladamente nessas células, inserir a palavra e pressionar a tecla ENTER ou copiar uma célula pronta para outra.

Agora, você já pensou que seria possível em uma única digitação preencher diversas células com o mesmo conteúdo? Veja a seguir como isso funciona…

 

Item 3 – Preenchendo células aleatórias com o mesmo conteúdo

 

Perdemos alguns segundos copiando células para outras partes da planilha e na maioria dos casos, perdemos a formatação ou simplesmente temos que “retirar os formatos” aplicados por algum arraste de mouse ou cópia indesejada.

Para que você não tenha nenhum dos problemas relatados no parágrafo anterior e copie apenas o conteúdo da célula, realize o seguinte procedimento:

  1. Selecione as células onde deseja colocar a mesma informação. Nesse exemplo, clicarei na célula A9, mantenho a tecla CTRL pressionada e clico na célula H2. O resultado é o mesmo da Figura 13:

 


Figura 13 – Selecionando células aleatórias com o uso da tecla CTRL

 

  1. Após a seleção, “apenas” digite a palavra Total porém não
    pressione ENTER pois esse procedimento leva a seleção de uma célula para a outra. O procedimento correto é:

    Após a digitação da palavra Total, pressione a combinação de teclas de atalho CTRL + ENTER. Essa combinação de teclas copia apenas o conteúdo da célula ativa para as demais células selecionadas. É um recurso maravilhoso! Veja o resultado na Figura 14:

 


Figura 14 – Preenchendo células aleatórios com o uso do CTRL + ENTER

 

Agora vamos a formatação geral da planilha:

 

Item 4 – Como formatar uma planilha em menos de 20 segundos

 

Às vezes, percebo que algumas pessoas, perdem mais tempo “perfumando” a planilha do que realizando ações importantes, como fórmulas e gráficos.

Desse modo, irei utilizar um recurso pioneiro do Microsoft Excel 2007, denominado Estilos de Célula para promover esse tópico.

Como toda boa estória, imagine que a sua planilha possui início, meio e fim. Por esse motivo, irei “fatiá-la” em 03 partes: Título principal, subtítulo e corpo. Como não temos exatamente esses nomes no recurso que irei demonstrar, vamos adaptar cada parte a um item associado como Título1, Título 2 e Título 3.

  1. Selecione somente o título principal da sua planilha, conforme exibido na Figura 15:

 


Figura 15 – Seleção do título da planilha

 

  1. A partir da guia Página Inicial, grupo Estilo, clique no botão Estilos de Célula. Serão exibidos diversos estilos. Clique no Título 1, conforme Figura 16:

 


Figura 16 – Formatando o título principal da planilha com o estilo Título 1

 

Observe que o Título principal da sua planilha já está com o formato aplicado e bem diferente do normal.

  1. Agora selecione os subtítulos da planilha (que nesse exemplo, é o intervalo de A2: H2). Na sequência, realize os mesmos procedimentos do passo anterior porém escolhendo o Título 2 (conforme Figura 17):

 


Figura 17 – Formatando o subtítulo com o Estilo Título 2

 

  1. Para finalizar, selecione todo o restante da planilha e aplique o Título 3. Você poderá combinar estilos ou criar seus próprios estilos a partir da opção Novo Estilo de Célula (presente no mesmo botão Estilos de Célula). Segue na Figura 18, exemplo da planilha formatada:

 


Figura 18 – Planilha formatada com o recurso Estilos de Célula

A partir desse momento, perceba que o visual da planilha inicial e nesse momento já destoa completamente e que não perdemos tempo para realizar esses passos. Na maioria dos casos, estamos realizando a combinação de dicas antigas com recursos novos do Excel para atingir os melhores níveis de produtividade na criação de uma planilha.

A partir desse momento irei dar um toque profissional aos números dessa planilha:

 

Item 5 – Como utilizar a Formatação Condicional a seu favor

 

Se você observar como os números estão dispostos nessa planilha, ficaria fácil analisar se eles estivessem destacados por cores quanto a sua grandeza ou por barras controladas pelo menor ou maior valor. No caso dos valores inseridos entre os meses, irei sugerir que seja utilizado o formato de Barras de Dados que favorece a visualização do menor e do maior valor. Siga esses passos:

  1. Selecione somente os números (sem totais). Nesse exemplo, o intervalo é compreendido de B3 até G8, conforme Figura 19:

 


Figura 19 – Seleção dos números para aplicação da Formatação Condicional

 

  1. A partir da guia Página Inicial, grupo Estilo, clique no botão Formatação Condicional e escolha qualquer opção entre a seção Preenchimento Gradual e Preenchimento Sólido. Nesse exemplo, estou utilizando a primeira opção denominada Barra de Dados Azul (apenas como sugestão), conforme Figura 20:

 


Figura 20 – Aplicando o formato condicional Barras de Dados aos números

 

Após aplicado esse formato, os números ficam muito mais visíveis:

 


Figura 21 – Planilha com a Formatação Condicional Barras de Dados Azul aplicada

 

  1. Agora iremos dar ênfase aos números da coluna H, denominada Total. Quais são os produtos que mais venderam? Quais os melhores números? Façamos assim: Selecione apenas os totais de H2 até H8. Em uma ação que você esteja realizando em sua planilha, não misture informações diferentes para utilizar a Formatação Condicional. Perceba que em primeiro lugar, fiz a aplicação nos números “inseridos” ao longo dos meses. Agora estou tratando apenas os totais da coluna e logo mais os totais da linha. Após a seleção, clique na guia Página Inicial, grupo Estilo e clique no botão Formatação Condicional. Escolha a opção Escalas de Cor e para uma aplicação semelhante à Figura 22, utilize o primeiro item denominado Escala de Cores Verde – Amarela – Vermelha.

 


Figura 22 – Exemplo de aplicação da Formatação Condicional Escalas de Cor

 

Explicação sobre esse formato: os maiores valores irão ficar na cor Verde, o mediano na cor amarela e o mais baixo na cor vermelha. Os valores que ficarem entre essas três cores, serão automaticamente formatados com cores graduais, conforme Figura 23:

Gostaria de salientar que esse procedimento é altamente confiável visto que o próprio Excel gerencia o que será aplicado como métrica para esse tipo de solução.

 


Figura 23 – Exemplo da Formatação Condicional Escalas de Cor

 

Quer saber mais detalhes sobre a Formatação Condicional Escalas de Cor (ou qualquer outra)? Siga esses passos:

 

Item 6 – Entendendo um pouco melhor sobre a métrica da Formatação Condicional

 

  1. Selecione a Formatação Condicional desejada (apenas um tipo por vez, ok?) e clique na guia Página Inicial, grupo Estilo e na sequência no botão Formatação Condicional. Será exibida uma lista com diversas opções. Clique no item Gerenciar Regras, conforme Figura 24.

 


Figura 24 – Acessando o item Gerenciar Regras da Formatação Condicional

 

  1. Será exibida a Figura 25. Observe que a opção Seleção Atual já vem escolhida e o tipo de regra também. Basta clicar no botão Editar Regra para entender um pouco melhor a métrica utilizada no formato.

 


Figura 25 – Caixa de diálogo Gerenciador de Regras de Formatação Condicional

 

  1. Observe que será exibida a caixa de diálogo Editar Regra de Formatação (Figura 26) e a primeira opção já vem definida. Olhando mais para o meio da caixa de diálogo, observamos que existem 03 níveis de graduação: Mínimo, Ponto Médio e Máximo e todas já estão no nível correto de “fórmula” aplicada. O menor valor já está com a função Mínimo, o Ponto Médio com o percentil aplicado e a função Máximo no maior valor encontrado na seleção.

 


Figura 26 – Entendendo melhor a regra aplicada na Formatação Condicional

 

Por esse motivo, evite o ajuste manual “por conta própria” se você não tiver certeza do que está fazendo, já que o Excel traz o recurso bem ajustado.

Feche todas as caixas de diálogo abertas e vamos para a última formatação condicional.

 

  1. Repita o mesmo procedimento anterior porém agora com a seleção do intervalo de B9 até G9 e faça uso da Formatação Condicional Conjuntos de Ícones. Utilize a segunda opção da seção Direcional conforme exibido na Figura 27:

 


Figura 27 – Aplicando a Formatação Condicional Conjuntos de Ícones

 

Comentário importante: Esse tipo de formatação carece de ajustes pois ele está pautado sobre a regra que para o ícone na cor verde, o valor selecionado tem que ser maior ou igual a 67
por cento. Quando estiver entre 67 e 33 por cento a cor será amarela. Caso contrário, será vermelho.

Nem sempre os valores que você possui, clamam por essa métrica. Sendo assim, se existe um tipo de formatação condicional que merece uma atenção especial, essa opção chama-se Conjuntos de Ícones (Figura 28):

 


Figura 28 – Regra Condicional Conjuntos de Ícones

 

A partir desse instante a planilha já está com a aparência bem diferente (Figura 29):

 


Figura 29 – Planilha com a aplicação de 03 tipos de Formatação Condicional aplicadas

 

Agora vamos aos gráficos e minigráficos:

 

Item 7 – Conhecendo um pouco sobre a aplicação de Minigráficos

 

Mostrar tendências em seus dados de planilha pode ser útil, especialmente quando você está compartilhando dados com outras pessoas. Use minigráficos, (gráficos minúsculos que ficam incorporados dentro de células da planilha), para representar visualmente e mostrar uma tendência em seus dados. Minigráficos podem chamar a atenção para valores como aumentos ou diminuições sazonais ou ciclos econômicos e destacar os valores máximo e mínimo em uma cor diferente.

Nesse exemplo, irei utilizar o espaço disponível à direita da planilha para inserir o minigráfico. Para que o efeito visual seja mais agradável, deixe a coluna que deseja inserir o minigráfico um pouco mais larga que o normal.

 

  1. Selecione o intervalo de I3 até I8, conforme Figura 30:

 

Figura 30 – Seleção para inserção do minigráfico

 

  1. Na sequência, clique na guia Inserir, grupo Minigráficos, botão Linha. Será exibida a caixa de diálogo Criar Minigráficos (Figura 31):

 

Figura 31 – Caixa de diálogo Criar Minigráficos

 

  1. Na caixa Intervalo de dados, selecione somente números. Nesse exemplo usarei o intervalo de B3 até G8 (Figura 32):

 

Figura 32 – Seleção dos números para inserção do Minigráfico

 

  1. Observe que a caixa Intervalo de Locais já vem preenchida pois fizemos a seleção prévia das células a qual os minigráficos serão inseridos. Para finalizar, clique no botão OK.

 

Figura 33 – Inserção do minigráfico no intervalo selecionado

 

Será exibido um minigráfico para cada célula selecionada, informando a tendência de cada conjunto de números selecionados previamente. Observe também que uma nova guia denominada Design será exibida (desde que o cursor esteja dentro do minigráfico). Essa guia possui alguns recursos interessantes. Vamos aos principais:

 

  1. Deixe o cursor em qualquer célula do minigráfico e na guia Design, grupo Mostrar, habilite as opções Ponto Alto e Ponto Baixo, conforme Figura 34:

 

Figura 34 – Exibição dos itens Ponto Alto e Ponto Baixo habilitados

 

Para melhorar ainda mais a aparência, que tal mudar as cores do ponto alto e baixo? Proceda da seguinte maneira:

  1. Deixe uma das células do gráfico selecionada (ou se preferir, selecione todas) e a partir da guia Design clique no botão Cor do Marcador e vá até a opção Ponto Alto, escolha a cor desejada e proceda da mesma maneira com o Ponto Baixo (Figura 35):

 

Figura 35 – Alterando a cor do Marcador do Minigráfico

 

Após essa ação, perceba que o maior/menor valor possuem cores distintas. Outra ação de formatação importante a ser tomada é destacar cada célula com um ponto no minigráfico. Faça assim:

  1. A partir da guia Design, localize o grupo Mostrar e habilite a opção Marcadores, conforme Figura 37:

 

Figura 36 – Habilitando Marcadores para um melhor destaque dos valores no minigráfico

 

E para finalizar, caso queira trocar o minigráfico de linhas por um de colunas, faça o seguinte:

  1. Deixe alguma célula do minigráfico selecionada, clique na guia Design, localize o grupo Tipo e clique no botão Coluna, conforme Figura 37:

 

Figura 37 – Trocando o tipo de minigráfico

 

Pronto! Agora que você conheceu um pouco mais sobre minigráfico, que tal utilizar mais esse recurso dentro das suas planilhas? Com certeza é um grande atrativo.

 

Último procedimento: Como posso inserir Gráficos dentro da minha planilha para demonstrar apenas aquilo que desejo?

 

Item 8 – Criando gráficos profissionais em menos de 1 segundo

 

Como existem diversas informações para serem exibidas no gráfico, irei dividir da seguinte forma:

  • A criação de um gráfico de colunas para exibir os 03 principais produtos da minha lista.
  • A criação de um gráfico de pizza para exibir os percentuais representativos da coluna de totais.

Então, vamos lá:

  1. Selecione a linha de cabeçalho e a coluna de cabeçalho juntamente com os valores desejados. Nesse exemplo, irei selecionar o intervalo de dados das células de A2 até G5 (como disse, irei selecionar apenas os melhores itens).

 

  1. Após essa seleção, pressione a combinação de teclas de atalho ALT + F1. Essa combinação insere um gráfico de colunas padrão em menos de 1 segundo na planilha ativa. Como estou utilizando o Microsoft Excel 2013, o gráfico é exibido em um layout padrão onde o Título é mostrado automaticamente na parte superior e a legenda é exibida abaixo do gráfico, conforme Figura 38:

 

Figura 38 – Criando gráficos rápidos com a combinação de teclas de atalho ALT + F1

 

Se eu estivesse usando a versão 2010 ou 2007, teria que escolher o Layout 3, disponível na guia Design, grupo Layout de Gráfico.

Também observe que na própria guia Design do Excel 2013, existem estilos bem interessantes de formatação. Fique à vontade para formatar o seu gráfico.

Vou acrescentar apenas um toque bem produtivo ao gráfico de colunas: Desejo vincular o título da célula A1 ao título do gráfico para que toda e qualquer alteração na célula o gráfico seja modificado também. Para isso, faça o seguinte:

  1. Clique no título do gráfico apenas 1 vez (só para selecionar), conforme Figura 39:

 

Figura 39 – Selecionando o Título do Gráfico

 

  1. Clique na Barra de fórmulas e digite o sinal de igual (=), conforme Figura 40:

 

Figura 40 – Criando o vínculo entre a célula e o Título do gráfico

 

  1. Agora clique na célula desejada (nesse meu exemplo, será a célula A1) e na sequência pressione ENTER. Pronto, você acabou de criar um vínculo entre a célula e o Título do Gráfico (Figura 41):

 

Figura 41 – Exibição da fórmula de vínculo entre a célula e o título do gráfico

 

Está quase acabando… Veja o último assunto:

 

Item 9 – Como criar um gráfico M&M’s (ou disco voador)

 

Sempre que estou realizando algum tipo de Consultoria, as pessoas sempre pedem a criação de um gráfico de pizza. Por que será? Não sei se a paixão cultural por Pizza (sentido literal) acaba influenciando as pessoas… rs

Bom, o gráfico de pizza acaba que “deformando” a informação que ali está contida e na dúvida do resultado exibido, faça um gráfico de colunas ou linhas que são os melhores para a exibição dos dados “de verdade”, sem maquiagem.

De qualquer forma, vamos aos passos:

  1. No exemplo que vocês estão acompanhando desde o início, irei selecionar a colunas de produtos e a coluna de totais. Sendo assim, selecione o intervalo de A2 até A8 e após essa seleção mantenha a tecla CTRL pressionada e selecione o intervalo de H2 até H8. Para realizar o procedimento padrão, clique na guia Inserir, localize o grupo Gráficos e clique no botão Inserir Gráfico de Pizza ou de Rosca. Serão exibidas diversas opções. Escolha a opção Pizza 3D, conforme Figura 42:

 

Figura 42 – Exibição do Gráfico de Pizza 3D

 

Ajuste esse gráfico ao lado do outro e vamos à formatação:

  1. Clique na guia Design, localize o grupo Layout de Gráfico e clique no botão Layout Rápido, conforme Figura 43:

 

Figura 43 – Escolhendo o Layout 1 para inserir os rótulos e percentuais dentro das fatias

 

Observe que os itens se ajustam automaticamente dentro das fatias. Porém vamos fazer um ajuste interessante:

  1. Clique com o botão da direita sobre o rótulo dos gráficos e acione a opção Formatar Rótulos de Dados, conforme Figura 44:

Figura 44 – Formatando o rótulo do gráfico

 

  1. Na versão 2013 do Excel, será exibido um painel lateral à direita com as opções de formatação do Rótulo. Nas versões 2007 e 2010 será exibido uma caixa de diálogo pop-up, porém, todas com as opções muito semelhantes. Na seção Posição do Rótulo, escolha a opção Extremidade Interna e observe que todos os rótulos foram ajustados, conforme Figura 45 e o gráfico foi redimensionado automaticamente:

 

Figura 45 – Ajustando o rótulo na extremidade interna das fatias

 

  1. Clique uma vez no meio da pizza. Observe que a barra lateral foi ajustada para Formatar Séries de Dados, conforme Figura 46:

 

Figura 46 – Rotacionando a pizza para uma melhor exibição e “explodindo” as fatias

 

  1. Na seção OPÇÕES DE SÉRIE, clique no item Ângulo da primeira fatia e escolha quantos graus deseja rotacionar sua pizza. Nesse exemplo usarei o valor 81 graus e para a Explosão usarei 12%, conforme exibido na Figura 47:

 

Figura 47 – Configurando as Opções de Série do Gráfico para uma melhor exibição

 

  1. Após essa ação, clique no item Efeitos e na seção FORMATO 3D, localize os itens Largura/Altura do Bisel superior e inferior e digite os valores 1500 para todos os itens, conforme exibido na Figura 48:

 

Figura 48 – Alterando o gráfico para o formato M&M’s

 

Após essas alterações, observe que o seu gráfico deve ter a aparência semelhante ao gráfico na Figura 49:

 

Figura 49 – Gráfico M&M’s

 

O que você acha? Interessante esse modelo, não?

Agora vamos adicionar um efeito especial ao gráfico:

  1. A partir do mesmo painel, clique no botão Material e escolha um dos itens disponíveis. Nesse exemplo, estou aplicando o item Borda Suave da seção Efeito Especial. Confira a opção na Figura 50:

 

Figura 50 – Adicionando um Efeito Especial as fatias

 

Observe que o gráfico ficou com um leve brilho em todos os cantos e ficou com um visual extremamente charmoso… rs

Agora o golpe final: Adicionar uma sombra que irá deixar qualquer um de queixo caído:

  1. Observe que no mesmo painel que ajustamos o passo 8, existem outras opções na parte superior da tela (Figura 51):

 


Figura 51 – Alteração do Desfoque para 5 pt

 

  1. Uma delas é a seção SOMBRA. Localize o item Desfoque dentro dessa seção e altere o seu valor para 5 pt (apenas uma sugestão, pode ser qualquer valor). Após essa alteração observe novamente o visual do seu gráfico (semelhante à Figura 52):

 

Figura 52 – Visual do gráfico após a alteração do item Desfoque

 

Comentário: Observe que nós alteramos “apenas” o item Desfoque. Porém o Excel ajusta automaticamente todos os outros componentes da seção para um melhor ajuste.

 

Figura 53 – Visualização final da planilha após todos os ajustes

 

Observe a Figura 53 e perceba que todos os passos que foram explicados nesse POST realmente valorizam a entrega de um trabalho eficiente, visual e informativo.

Poderíamos acrescentar diversas outras funcionalidades nesse trabalho, mas veja só: com poucas ações “básicas” já temos uma planilha interessante para se trabalhar. Imagine se utilizarmos outros recursos fantásticos do Excel no nosso dia a dia…

Esse POST representa 40 minutos de Palestra de Produtividade em Excel a qual realizo nas mais diversas empresas no Brasil. Essa é a minha contribuição a você, usuário do Excel, para que tenha cada vez mais sucesso no seu dia com o uso do Microsoft Excel.

Bom pessoal, vou ficando por aqui e até a próxima!!!

J

MAC

101 comentários em “Dicas e Truques sobre o Excel 2013 (2010 e 2007 também)

    1. São mesmo!! Caraca, me relembrou dum curso de Excel que fiz uma vez do pessoal da excelfactory.com.br. Esse post me relembrou muita coisa e ensinou várias novas😀

      Meu, esses minigráficos são MUITO SHOW!!! Valeu, Marco!

      Curtir

    1. Olá Marcos!

      Em primeiro lugar vc está tentando fazer isso a partir de um Tablet?

      Em segundo lugar, experimente Arquivo/Opções/Avançado e habilite a opção Habilitar alça de preenchimento e arrastar-e-soltar célula.

      Espero que dê certo!

      Obrigado e abraço,

      MAC

      Curtir

  1. Caro Marco Aurélio Candido, boa tarde!
    Excelente, meus parabens! Leitura fácil, ótima didática, explicações com figuras completamente elucidativas, além, claro, das dicas tremendamente proveitosas. Lido como Excel há muitos anos e sempre procuro me aperfeiçoar, mas aprendi agilidades que nunca havia visto. Abraço e muito obrigado mesmo!

    Curtir

  2. Ola marco parabéns pelo tutorial. poderia me ajudar? estou tentando colocar uma imagem dentro de um comentário usando a formatação do comentário mas não acho a opção, sei que no Excel 97 2000 funciona mas aqui no 2003 não achei a opção. queria mostrar uma imagem quando uma célula é selecionada.

    Curtir

    1. Olá David,

      Sim, com certeza!

      Siga esses passos:

      1)
      Insira o comentário na célula desejada.
      2) Apague o conteúdo do comentário.
      3) Clique com o botão da direita do mouse sobre a célula que está o comentário e clique na opção Formatar comentário.
      4) Será exibido uma caixa de diálogo com diversas opções. Clique na guia Cores e linhas.
      5) Clique na caixa Cor e escolha a opção Efeitos de preenchimento.
      6) Na caixa Efeitos de Preenchimento, escolha a última guia opção Imagem.
      7) Clique no botão Selecionar Imagem e na sequência no botão Selecionar Imagem. Selecione a imagem desejada e caso seja interessante, marque a opção Fixar taxa de proporção da imagem e na sequência clique no botão OK.
      8) Pronto! A partir desse momento o seu comentário estará definido com um “marca d´água)

      Espero ter ajudado,

      MAC

      Curtir

    1. Olá Elaine,

      Obrigado pelo elogio!

      Sim, é completamente incorreto centralizar números. Dependendo de quem irá utilizar a planilha, poderá entender que àquela informação se trata de texto armazenado como número.

      Obrigado pela sua mensagem!

      MAC

      Curtir

  3. Bom dia Marco Aurélio, o mesmo nome de meu irmão de BH!

    Excelente suas dicas que acabei de ler!…fantástico! vou adotar sempre daqui para frente.

    Uso o Excel desde a versão dos anos 1990 mas sempre aparece uma duvida.
    Agora por exemplo, tenho um gráfico que é comandado por uma caixa de combinação – combo – que pode gerar 400 curvas – no mesmo lay out – bastando somente selecionar a opção nesta combo.

    O que pediram agora é adicionar os rótulos nas curvas de modo que ao gerar cada curva – mais de 800 – os rotulos sejam exibidos automaticamente.

    Se como fazer inserindo os rótulos um a um mas você pode imaginar em um calculo por baixo eu teria que inserir cerca de 18000 rótulos, ´que convenhamos torna-se inviável.

    Você poderia me ajudar nesta tarefa dando uma dica?

    obrigado,

    Silger W. Toniolo
    98 – 8107-9950
    Vale – São Luis/MA

    Curtir

  4. Muito bom esse texto!Interessante como podemos formatar uma planilha não precisando “perfuma-la” tanto. E sobre as diversificações de gráficos, gostei muito! O Excel é uma ferramenta incrível quando bem explorada.

    Curtir

  5. Muito bom mesmo! Estava procurando uma dica de Excel sobre um outro assunto (adicionar um mesmo cabeçalho a várias planilhas de um arquivo), mas parei aqui e adorei! Nunca ia achar esses atalhos no excel!
    Parabéns!

    Curtir

  6. Olá Marco Aurélio, adorei seu post, muito obrigada por tê-lo escrito! Poderia me ajudar na seguinte questão: tenho uma planilha em formato de tabela, na primeira linha formatei uma determinada célula para CNPJ, porém quando vou para a segunda linha a tabela é criada porém a formatação dessa célula de CNPJ não continua. O que faço para que a formatação da célula permaneça nas próximas linhas?
    Desde já agradeço!

    Curtir

    1. Olá Liliane,

      Desculpe lhe responder somente agora mas o seu comentário estava “bloqueado”…

      Bom, se ainda servir a resposta, a formatação “personalizada” do CNPJ (entre outras) realmente não acompanham as células seguintes, simplesmente por não possuírem um cálculo e/ou serem personalizadas.

      Dessa forma, pode-se copiar via pincel de formatação (ou copiar com o mouse arrastando) entre outros modos. Infelizmente, não existe uma maneira “automática” de se realizar isso (a não ser com a criação de uma macro, porém acho desnecessário).

      Espero ter ajudado,

      Marco Aurélio

      Curtir

  7. Parabéns Pela bela aulinha.
    Eu digitei numa planilha, e quando fui verificar os resultados apareceu em algumas linhas não numero e sim (#VALOR!) escrito dessa forma. Fui tentar filtrar para eliminar e poder seguir a diante para trabalhar na tabela dinâmica, mas só que não apareceu a “palavra” a ser filtrada. Gostaria de saber qual método posso utilizar para evitar possíveis erros sem desfazer tudo o que já fiz?
    Desde já obrigado!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Olá Jair,

      Obrigado pelo elogio.

      Vamos imaginar que você está no mínimo com a versão 2007 do Excel e que simplesmente quer que esse tipo de mensagem “desapareça”, ok?

      Então vamos lá:

      Se você criar essa formula: =SeErro(Valor;Valor_se_Erro)

      Onde:
      Valor = formula que você está tentando inserir.
      Valor_se_Erro = Informação que deverá ser substituída pelo erro.

      Ex.:

      Imaginando que você tentou dividir uma célula por outra e na célula havia um texto:

      =SEERRO(B2/A2;””)

      Explicando: Se a divisão de B2 por A2 resultar em erro, exiba uma informação nula (representada pelas aspas juntas e sem espaço “”).

      Agora, voltando ao restando do seu comentário, é muito estranho que você não tenha conseguido realizar o filtro… deveria funcionar!!!

      Tentou realizar a Classificação? E depois fazer algum tratamento?

      Caso nada disso lhe ajude, me dê mais detalhes do ocorrido, por favor!

      Obrigado pela dúvida.

      MAC

      Curtir

  8. Olá Aurélio, fiquei muito impressionado com as dicas que vi no seu blog e no youtube…Parabéns !!! , porém eu ainda não sei como se faz para que uma imagem que eu coloquei em uma célula fique fixada e eu possa classificar os dados das imagens sem que a planilha fique toda desarrumada, pois as imagens não acompanham a classificação.
    Espero que minha explicação tenha sido de fácil entendimento.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Olá Claudio,

      Obrigado pelos elogios…

      Experimente clicar com o botão da direita do mouse sobre a imagem, escolha a opção Formatar Imagem (Formatar Forma) e na sequência procure pela categoria Propriedades.

      Dentro dessa categoria, existem 03 opções de configuração:
      1) Mover e dimensionar com células.
      2) Mover mas não dimensionar com células.
      3) Não mover ou dimensionar com células.

      Escolha a terceira opção e verifique que ao realizar procedimentos de inserção ou exclusão de linhas/colunas a figura permanence estática.

      Espero ter ajudado.

      Atenciosamente,

      Marco Aurélio

      Curtir

      1. Bom dia, Aurélio! Não consigo achar esse não mover ou dimensionar com celulas, qual pode ser o outro caminho? Obrigada,

        Maria Isabel Pereira

        Curtir

      2. Olá Isabel,

        Quando vc clica com o botão direito do mouse e acessa a opção Tamanho e Propriedades (Formatar Forma), na parte superior da caixa existem 03 ícones: O terceiro é Propriedades de Tamanho e dentro das seção Propriedades está a opção Mover e Dimensionar com células.

        Espero ter ajudado.

        MAC

        Curtir

  9. Boa tarde. Parabéns pelo site e obrigado pelas dicas. Mas teve uma dúvida que não consegui resolver: preciso de um gráfico pizza em que cada série esteja subdividida em outras partes. Então, além das fatias (séries), cada fatia subdividida em outros pedaços menores (meu objetivo é fazer uma fórmula para um gráfico de Roda da Vida). Será que você pode me ajudar?
    Obrigado.
    Alexsandre Victor

    Curtido por 1 pessoa

    1. Olá Alexsandre,

      Obrigado pelo elogio!

      De forma padrão, o gráfico de pizza no Excel possui apenas 01 eixo, não possibilitando a “quebra” em outras partes.

      Existe algo que não sei se irá te ajudar: Chama-se Barra de Pizza onde uma fatia é destacada em uma coluna, identificando assim a composição daquele valor.

      Caso queira testar essa opção, procure na categoria Pizza a opção Barra de Pizza e veja se é o que você precisa.

      Agora, se você estiver usando a versão 2013 do Excel, pode optar por instalar o App denominado “Databurst“.

      É gratuito e você poderá acessá-lo através da guia Inserir/Meus aplicativos e localizar pelo nome acima descrito.

      Acesse esse link: https://onedrive.live.com/view.aspx?resid=FD4A3BA49878C6BE!103922&ithint=file%2cxlsx&app=Excel&authkey=!ALWb4HWONTBHYZg

      Ou esse: https://store.office.com/app.aspx?assetid=WA104379087&ui=en-US&rs=en-US&ad=US&appredirect=false&fromAR=1

      O recurso é auto-explicativo e possui exemplos para você se ambientar ou usar a própria base de dados.

      Espero ter ajudado,

      Marco Aurélio

      Curtir

  10. Boa noite!

    Gostaria de saber qual formula usar para fazer um documento sendo que tudo que digitar na primeira via do documento apareça na segunda via automaticamente.

    Aguardo retorno.

    Obrigada.

    Curtir

    1. Olá Sabrina!
      Depende, em primeiro lugar estamos falando de qual aplicativo?
      Caso esteja falando de Excel, basicamente insira o sinal de igual na célula desejada (a partir de onde se inicia o vínculo) e clique na mesma célula da outra planilha. Na sequência, pressione ENTER.

      Arraste essa formula por todo o espaço desejado e volte para a planilha inicial.
      Tudo o que você digitar nesse espaço (Plan1) aparecerá imediatamente na Plan2.

      Caso não seja isso, favor detalhar para qual aplicativo deseja essa ação.

      Até mais!

      MAC

      Obs: No aguardo da sua resposta.

      Curtir

      1. Olá,

        Obrigada pela orientação…Estava falando exatamente do excel…Gostaria de fazer na mesma planilha contador exemplo: tenho um protocolo que quero colocar contador automático. Qual formula usar?Existe esta possibilidade?

        Aguardo retorno e muito obrigada.

        Até mais!

        Sabrina

        Curtir

  11. Olá sr. Aurélio, boa tarde!
    Por favor, como faço para que um texto (é para chamar a atenção do usuário a respeito de dados de uma planilha) no Excel 2010 fique intermitente (piscando)?
    Agradeço e aguardo.
    Cartier C. Moura

    Curtir

  12. Boa tarde Aurélio!

    Parabéns pelas suas excelentes dicas!

    Por favor, como faço para que apareça as carinhas em uma célula quando uma outra célula tiver valor > 3% (carinha feliz “J”); 3% a -3% (carinha normal “K”); < 3% (carinha triste "L")?

    Abraços.

    Claudio Dias

    Curtido por 1 pessoa

    1. Olá Claudio,

      Obrigado pelo elogio!

      Você já fez praticamente todo o trabalho, rs!

      Vamos lá:

      1) Crie em uma coluna a fórmula: =SE(A2>=3%;”J”;SE(A2>=-3%;”K”;”L”)) – faça as devidas adaptações de célula, ok?

      2) Selecione as células dessa fórmula e formate a fonte para Wingdings.

      3) Em terceiro, caso queira colar cor, use a Formatação Condicional através de uma nova regra, opção “Formatar apenas as células que contenham” e nas configurações escolha – Valor da Célula é igual a – J.

      Escolha a cor verde (para criar um semáforo) e clique em OK. Repita esse procedimento para as outras 02 letras.

      Pronto! Veja se é isso o que precisa e peço desculpas pela demora mas eu viajo muito em Palestras e quase não sobra tempo para o meu Blog.

      Espero ter ajudado.

      Abraço,

      MAC

      Curtir

  13. Bom dia! Parabéns pela explanação!
    Gostaria de saber o que acontece quando abro planilhas de Excel anteriores, que contém células com preenchimento colorido para destaque, e no Excel 2013 só abre a planilha com as células totalmente em branco? E não consigo alterar para as cores de origem….

    Curtido por 1 pessoa

    1. Olá Antonio Gomes,

      Obrigado…

      Bom, me desculpe mas não consegui entender sua questão… poderia me fornecer mais detalhes, por favor?

      Exemplo:

      De qual a versão que você está tentando abrir?

      É algo relacionado a Formatação Condicional?

      Essa planilha possui macros?

      Enfim, se conseguir me passar mais detalhes, tentarei te ajudar…

      Abraço,

      MAC

      Curtir

  14. Este post me ajudou muito, pois percebo que muitas vezes eu fico perfumando mesmo a planilha perdendo um tempão com detalhes desnecessários e aqui vc me passou uma rotina que transforma uma planilha simples num excelente trabalho.
    Vc ainda respondeu a quase todos os comentários dos leitores, parabéns cara.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Olá Abel,

      Que bom que gostou e que surtiu efeito no seu dia-a-dia.

      Fico feliz em poder ajudar as pessoas e como “respiro” isso, faço com a maior boa vontade…

      Agradeço as suas palavras e espero poder ajudar sempre que necessário.

      Abraço,

      Marco Aurélio

      Curtir

  15. Olá Marco. Também gostei muito do seu trabalho. Parabéns. Porém discordo da rejeição ao uso de células mescladas na planilha excel. Veja “porque” no exemplo que deixo para você, na minha página COMERCIAL PLANLAGOS (1ª na pesquisa Google). Caso goste e queira fazer um trabalho sobre uso de células mescladas, pode usar minha planilha a vontade (cite meu nome no trabalho).
    Forte Abraço,

    Curtido por 1 pessoa

    1. Olá Paulo,

      Obrigado!

      Acessei o seu link e pude observer que sua planiha é extremamente “simples”. Nesses casos, poderá ser aberta uma “exceção”, rs!

      Agora, imaginando uma planilha com acessos externos, tabela dinâmica, funções de deslocamento, etc., o uso de células mescladas apenas “atrasa e atrapalha” o trabalho produtivo.

      Obrigado e boa sorte,

      Marco Aurélio

      Curtir

  16. Show de bola suas dicas. Parabéns! Mas já que você é um palestrante, cuidado ao escrever um tutorial e ao falar numa palestra a palavra perca! No Erro nº 03, você fala da “perca da precisão”, onde o correto seria a “perda da precisão”.

    Seu blog já está nos meus favoritos. Parabens!

    Curtido por 1 pessoa

  17. Olá Marcos.
    Vi nestas dicas excelentes passos para melhorar as nossas planilhas, realmente de grande valor. Parabéns pela iniciativa!!
    Você poderia me ajudar?
    Imagine uma planilha onde são digitados na coluna vários itens e na horizonta os meses e no final o total. E abaixo de cada mês insiro os valores correspondente aos meses, a pergunta é: como eu faria quando digitasse o valor no último mês, o cursor voltasse automaticamente para a próxima linha?

    José Ramos
    Manaus-AM

    Curtir

    1. Olá José Ramos,

      Obrigado pelo elogio e que bom que te ajudou…

      Vamos aos fatos: No plano simples, se você selecionar o intervalo que será preenchido, ao digitar simplesmente e ir pressionando a tecla ENTER, quando você chegar na última célula (lembrando de não pressionar teclas de direção enquanto a região estiver selecionada, senão você perderá essa seleção), o cursor será devolvido automaticamente para a primeira linha, certo?
      Tente isso e irá funcionar, com certeza.

      Em um outro modelo mais avançado, basta “proteger” as células não disponíveis e a célula também se auto-movimentará para a próxima célula não bloqueada e também irá funcionar.

      Em outro modelo mais complexo, isso poderá ser feito com VBA (programação) mas não tão recomendado pela simplicidade da ação.

      Bom, veja o que te agrada e se isso te ajudar, ok! Caso contrário, volte a questionar e me passe mais detalhes, blz?

      Espero ter ajudado,

      MAC

      Curtir

  18. Olá Marcos, muito boa suas dicas. Mas estou com o seguinte problema:
    Fiz um gráfico de barras utilizando duas séries para possibilitar a diferença de cor, ou seja, quando a meta é atingida a barra fica com a cor azul e quando a meta não for atingida a barra fica com cor vermelha, o problema é que eu gostaria de inserir o rótulo de dados (valores) porém como no gráfico eu tenho duas séries, uma série é preenchida com o valor e a outra série é preenchida com zero, deste modo eu fico com dois valores na mesma barra, para solucionar meu problema eu gostaria que o gráfico somente mostre os valores de rótulo de dados quando este for diferente de zero, é possível?

    Curtido por 1 pessoa

    1. Olá Danilo,

      Obrigado pela sua mensagem!

      Segue possível solução:

      1) Clique em qualquer rótulo do gráfico: Observe que todos eles serão selecionados.
      2) Agora clique com o botão da direita do mouse sobre um dos rótulos (não se esqueça que todos terão que estar selecionados) e escolha a opção Formatar Rótulo de Dados.
      3) Na janela que se abre, clique na opção Opções de Rótulo e na sequência na opção Número.
      4) Na Categoria, escolha a opção Personalizado e em Código de Formatação digite a seguinte informação: #.##0;;
      5) Clique em Adicionar e pronto!

      Toda a vez o valor for 0 ele será oculto do rótulo.

      Espero ter ajudado!

      Abraço,

      Marco Aurélio

      Curtir

  19. Boa tarde,

    Cara, de longe este é o melhor conteúdo sobre planilha. Muito didático e com conteúdo que interessa a qm trabalha com planilha excel. Parabéns!! Mas o motivo que me faz dissertar um comentário eh uma duvida q não me deixa concluir meu gráfico.
    Estou construindo um gráfico que mostra o desempenho dos municípios sergipanos sobre seu IDEB, sendo que preciso destacar os 05 piores e os 05 melhores resultados (gráfico em ordem crescente, logo os cinco primeiro ruins e os cinco últimos melhores), ou seja, estou colocando as cores destes diferenciadas, aos melhores verde, e aos piores vermelho, no intermédio azul. Mas na hora de identificar os nomes dos municípios, taxas e o significado de cada cor, eu estou me batendo e não consigo êxito. Sei que deve haver algum truque entre rotulo e serie, mas não sei onde esta o pulo do gato. Toda ajuda será valida. Desde já estou agradecido, pois esse post já me ajudou a melhorar o meu desempenho, com ótimas dicas e boas referencias.

    Grato.

    Curtir

    1. Olá Bruno,

      Obrigado pelas palavras… quem não gosta de um elogio de vez em quando, né?

      Valeu e conte sempre comigo!

      Vamos a sua questão:

      Para tentar lhe ajudar, eu necessito saber todas as minúcias da sua planilha.
      Por exemplo: Qual a versão do seu Excel? O seu gráfico é de colunas 2D? As informações que compõe o gráfico são oriundas de fórmulas?

      Bom, dependendo dessas respostas e outras informações que você julgar necessário para eu tentar lhe ajudar, farei o possível para que você conclua o seu trabalho, ok?

      No aguardo,

      Marco Aurélio

      Curtir

  20. Marco,

    Estou encantado com a sua agilidade em responder e na estrema boa vontade de inclusive disponibilizar uma planilha (na verdade duas!).
    A segunda planilha que você disponibilizou atende o que preciso. Fiquei brincando com a planilha e entendi todos os recursos utilizado. Uma coisa que me ajudou foi a função “sobreposto” das colunas. Por essa planilha eu consigo fazer o meu gráfico tranquilamente. Mas esse é o jeito mais prático pra se conseguir fazer isso? De todo modo, só tenho a agradecer toda a ajuda! Pois agora posso concluir meu gráfico. OBRIGADO! E te desejo muito sucesso em sua vida!

    att,

    Bruno!

    Curtir

    1. Bruno, sem “pegar pesado” no Excel, rs, é uma maneira interessante sim de resolver essa sua questão.
      Eu poderia adicionar funções “dinâmicas” no exemplo mas é só.
      Poderia também incluir algum tipo de programação VBA para modelos de atualização mas como disse no início, iria pegar pesado em um assunto que eu acredito não ser necessário muito “empenho”, se é que me entende!

      De toda a forma, agradeço pela interação no Blog e principalmente pelas questões propostas.

      Até mais e conte sempre comigo quando necessário!

      Abraço,

      Marco Aurélio

      Curtir

  21. Marco,

    Em resposta as perguntas referente ao meu gráfico:
    1.A versão que utilizo é a 2007;
    2.O gráfico é de colunas 2D,e;
    3.As informações que compõe o gráfico não são de fórmulas.

    Volto a avisar que a planilha disponibilizada atende as minhas necessidades. Já sou capaz de concluir o meu gráfico, mas decidi responder as perguntas pra ver se existe algum jeito mais prático, mas estou satisfeito com a resposta postada.

    Grato.

    Curtir

  22. Bom dia
    Como faço para ter uma planilha de gastos diarios?
    Minha duvida é mais na iteração entre o usuario e planilha!
    Essa planilha é pra minha esposa usar no celular,como ela recebe o salario todo dia 1,então tinha que ser algo do tipo:
    1- Dia 01 de cada mes apareceria a pergunta:valor depositado dia “data”?
    2- após preenchimento do item 1 aparece nova pergunta:Digite o valor gasto dia “data”?
    3- após a digitação do item 2 apareceria o saldo dela no dia “data”!
    Quando ocorresse o segundo gasto no mesmo dia, e ela executasse o programa para controlar, apareceria sómente apartir do item 2!
    Assim por diante!
    Consigo fazer isso com EXCELL?

    Curtir

    1. Olá Sergio,

      Sim, você consegue… porém, como são várias “intervenções”, para cada informação que você está solicitando, eu faria uma função SE:
      Ex.: =IF(A2=DATEVALUE(“1/7/2015″);”Ok”;”data”) e por aí vai…

      São diversas funções SE que você deve inserir ao longo da linha…

      Veja se consegue aproveitar alguma coisa do link: http://1drv.ms/1HjgDgQ

      Abraço,

      Marco Aurélio

      Curtir

  23. Olá Marco…
    Acho impressionante como vc fala de seu conhecimento, quanto mais se sabe, mais a gente sabe o que tem pra aprender…
    4% ?
    Simplicidade e humildade em primeiro lugar …. PARABÉNS….

    Marcelo

    Curtido por 1 pessoa

    1. Valeu Marcelo!!!

      Com certeza… com aquilo que conhecemos podemos escrever um livro… mas com o que desconhecemos podemos escrever uma biblioteca!!!

      Obrigado pela audiência e espero continuar aprendendo sempre e repassando o conhecimento adquirido.

      Abraços,

      Marco Aurélio

      Curtir

  24. olá.. estou procurando um depoimento de profissionais que utilizam ou já utilizaram alguma ferramenta do excel 2013, e os benefícios dela. Não sei se é o seu caso, ou se você usa outra versão.
    Caso tenha já usado, você poderia me ajudar nessa questão? Obrigada

    Curtido por 1 pessoa

    1. Olá Letícia,

      Vamos ver no que posso te ajudar: que tipo de depoimento ou ferramenta exatamente você está necessitando?

      Trabalho com a versão 2013 desde 2012 (ou seja, a versão beta) e posso te passar as melhores impressões…

      Me diga exatamente do que precisa, ok?

      No aguardo,

      Marco Aurélio

      Curtir

  25. Depoimento falando tipo ”usei tal ferramenta do excel 2013 para isso e isso e foi muito bom, ou ruin para minha vida profissinal, meu trabalho…”
    É um depoimento falando de uma ferramenta do excel 2013 (tabela ou qualquer outra coisa) que contribuiu para sua vida profissional ou te ajudou em qualquer parte do seu trabalho.

    Curtir

    1. Olá Letícia,

      Trabalho com o Microsoft Excel desde 1991 (antes usava o Lotus 123) e desde então entrei no ramo de Consultoria para ministrar Treinamentos e Palestras de Office.

      No meu conceito, o Excel é o melhor gerenciador de planilhas já existente, limitando o uso de seus recursos apenas pela falta de imaginação, criatividade e esforço do usuário, ou seja, o aplicativo literalmente “faz tudo e mais um pouco”.

      Ao longo desses anos, tenho desenvolvido pastas de trabalho dos mais diversos níveis, ajudando “n” pessoas e empresas e conseguindo sempre obter êxito nas minhas atividades: Seja no uso de funções de uso diário (SOMASE, VF, PROC, SOMA, MÉDIA, SUBTOTAL, etc) ou funções mais elaboradas (ÍNDICE, CORRESP, DESLOC, INDIRETO, etc) ou recursos como Tabela Dinâmica, ou Formatação Condicional, Formatação de células, Botões de Formulários ou até mesmo o VBA (Visual Basic for Applications) para o desenvolvimento de códigos em macros (tarefas repetitivas que ao clique de um botão, tudo “acontece”).

      Dessa forma, declaro minha paixão pelo que faço e pelo conhecimento adquirido principalmente no Microsoft Excel (que não deve passar de 6%).

      Espero que tenha ajudado na sua pesquisa.

      Marco Aurélio Candido
      Consultor MOS Master

      Curtir

  26. Então, preciso de um depoimento ‘seu no caso’, falando que ferramenta do excel 2013 vc já usou ou usa como meio de trabalho, se essa ferramenta é boa, no que ela te ajuda/ajudou etc..
    é meio que um comentário sobre alguma ferramenta que você tenha utilizado (do excel2013).

    Curtido por 1 pessoa

  27. boa tarde, como faço para unificar varias planilhas em uma só? tirando o cabeçalho, unificando mesmo….tenho um arquivo com mais de 200 abas! e preciso de uma unica aba com todas as informações para depois disso fazer ainda um procv em outra planilha!! ahhhhhh

    Curtido por 1 pessoa

    1. Melina, obrigado pela sua questão.

      No seu caso, existem algumas sugestões:

      1) O primeiro mais simples e mais demorado é copiar e colar “literalmente” uma após a outra.
      2) Esse outro exemplo, necessita que você possua conhecimentos de Access para a sua conclusão:
      2.1 Crie um Banco de Dados Access.
      2.2 Clique na guia Dados Externos/Excel.
      2.3 Faça a importação da primeira planilha para uma nova tabela e na próxima importação escolha a opção Acrescentar uma cópia dos registros à tabela.
      3) Caso queira realizar as próximas importações de um modo mais rápido, salve as Etapas de Importação.
      4) Outro modo seria você criar um código VBA para tal ação.

      Enfim, existem alguns modos para a realização dessa sua questão. Boa sorte com a escolha!

      MAC

      Curtir

    1. Olá Diogo,

      Bom, se você me fornecer mais detalhes, posso tentar te ajudar:
      Qual a versão do seu Excel?
      Em que ponto que você necessita de ajuda?
      Que tipo de formatação você aplicou na planilha?

      No aguardo,

      Marco Aurélio

      Curtir

  28. Olá, Marcos!

    Estou com um problema na construção do meu gráfico. Tenho que construir um gráfico de coluna 2D que incluem valores muitos distintos, tem uma coluna representando o valor de 55 mil reais, e outra coluna que representa 456 milhões de reais, e algumas outras neste intervalo. O meu problema consiste em não conseguir visualizar a coluna de valores tão pequenos. Gostaria de sugestões para representar esses valores em “um único” gráfico.

    Toda ajuda será válida.

    Grande abraço! Aguardo qualquer orientação.

    Curtir

    1. Olá Bruno,

      Bom, pelo “tamanho” dos valores, realmente fica muito difícil essa visualização no mesmo gráfico.

      Mas existem “caminhos” alternativos, rs!

      Já tentou colocar um desses valores como Eixo secundário?

      Isso vai colocar os valores em outro “Eixo” permitindo a configuração “aproximada” desse eixo para corresponder à 50% do “tamanho” dos valores do outro eixo (isso é altamente configurável). Geralmente funciona e fica uma exibição mais visível, se é que me entende.

      O único problema, é que nesse caso iremos mexer diretamente no eixo de representação dos valores e se formos analisar a escala “a fundo”, não vai bater com o tamanho da coluna do eixo anterior.

      Veja o que acha e estarei á disposição para maiores esclarecimentos.

      Marco Aurélio

      Curtir

    1. Olá Adriano,

      Bom, você pode criar uma Formatação de Células personalizada porém o Excel irá exibir apenas os 15 primeiros dígitos corretamente, após isso, ele irá exibir apenas os dígitos 0.

      Crie a seguinte configuração:

      1) Selecione as células desejadas.
      2) Pressione a combinação de teclas CTRL+1 ou botão da direita do mouse, Formatar células.
      3) Na guia Número, clique na categoria Personalizado e digite uma das 02 configurações: 00000 00000 00000 ou ##### ##### #####
      4) Clique no botão OK e veja como ficou.

      Espero ter ajudado.

      Marco Aurélio

      Curtir

  29. Olá Marcos, participei da Palestra de Dicas & Truques de Excel no MTC.
    Esse post é um dos exemplos que você apresentou, você teria aqui no seu blog exemplo de tabela, tabelas dinâmicas e aquele da planilha de cotação do dólar onde utilizou indice e corresp ?
    Obrigado.

    Curtir

  30. Olá Marco Aurélio

    Parabéns pelo post, muito bom aprender e voce é muito claro, fácil de assimilar

    Sou iniciante e uso planilhas pra controle de despesas e sempre tenho um problema que talvez seja super simples de resolver mas nunca encontrei a explicação.

    Tenho uma planilha com o ano todo preenchido e tenho, por exemplo, despesas fixas que vencem todo dia 20. Como preencher automaticamente um valor para todo dia 20 ?

    Também como dúvida, há algo que faça com que o débito seja lançado em dia útil, caso dia 20 caia num domingo ?

    Desculpe se a pergunta é mediocre mas eu apanho muito dessas formulas.

    Grato e abraços

    Curtir

    1. Olá Bruno,

      Obrigado pelo seu comentário e pelo elogio!!!

      Sobre a fórmula que você precisa criar, depende de alguns fatores:
      1) As datas são fixas?
      2) Você possui elas em uma coluna?
      3) Elas são sequenciais?

      Respondendo as 03 perguntas como “SIM”, montei uma fórmula de exemplo que se não servir totalmente, irá servir para te direcionar como criar a sua fórmula, ok?

      Pensando que na Coluna A você possui DATAS e todo o dia 20 você necessita preencher com um valor, por exemplo 100 reais, utilize essa fórmula:

      =SE(ESQUERDA(DATADIF(HOJE();A2;”d”);2)=”20″;100;””)

      Explicando:

      A função DATADIF é um recurso do Excel VBA e portanto não possui sintaxe via Excel. Mas para te explicar direitinho, vou te passar a sintaxe dela:
      =DATADIF(Data inicial; Data Final; Formato) onde o formato pode ser DIA (D), Mês (M), e Ano (Y), ou variações do tipo YM e MD. Qualquer coisa procure pela sintaxe completa no meu Blog ou no Google, ok?

      Continuando, essa função, com o apoio da função ESQUERDA, irá extrair só o dia e depois compará-lo com a função SE, que caso seja VERDADEIRO, irá preencher 100 na célula com o dia 20.

      Não sei se consegui esclarecer alguma coisa, mas tente moldar esse exemplo para o seu dia-a-dia.

      Espero ter ajudado!

      Sucesso,

      Marco Aurélio

      Curtido por 1 pessoa

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s